Pra falar de Jesus

Esse blog foi feito com um único propósito: Falar de Jesus.Essa é a minha intenção principal. Espero que todos gostem.Estou aqui para levar a palavra de Deus a toda criatura, e tenho certeza de que você não chegou aqui por nada. Seja bem vindo, venha você também fazer parte dessa família.Sua opinião é muito importante. Não deixe de deixar um comentário ok!??!?!?

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Confissão: As mentiras de Satanás (parte)

Mentira 1 - Você é a única no mundo que fez estas coisas

Poucas coisas na vida me fizeram descer ao abismo da condenação e da culpa como a forma com que tratei meus filhos e a raiva contida que carreguei por anos. Apesar de aparentar equilíbrio, eu sabia dos limites físicos e verbais que havia atravessado com meus filhos por trás daquelas portas fechadas. Perguntava-me se eu era a única mãe que tratava seus filhos de forma tão horrível.
Certo dia, fiz uma confissão para um grupo de amigas, esperando ouvir que não estava sozinha. Mas o silêncio foi total. E eu podia ouvir o Inimigo sussurrando: Eu disse que ninguém mais fazia o que você fazia. Você é desprezível e ninguém poderá ajudá-la.
Apesar de já ter controlado meus acessos de fúria, acreditei nesta mentira por quase seis anos. No sétimo ano, Deus havia me trazido à memória gentilmente as verdades bíblicas que aprendi e acreditei desde a infância:
a) Se eu confessar meu pecado, Deus os perdoará, sempre.
b) Se eu permitir, ele transformará meus pensamentos e me fortalecerá para fazer o que é certo.
c) Se eu falhar, Jesus permanece fiel, pois é impossível para ele negar seu carácter e agir de outra maneira.
Professei (falei realmente em voz alta) estas verdades eternas e vi meu coração e minhas ações serem transformados de uma forma que só posso descrever como miraculosa. Finalmente meu coração e minha casa foram repletos de perdão, alegria, gentileza em relação aos meus filhos e também à paz. Disse a Deus que, se eu tivesse oportunidade, gostaria de falar abertamente sobre minhas dificuldades.
Três anos depois, tive a oportunidade. Estava na frente de uma plateia lotada e falei a milhares de mães sobre a realidade do que havia acontecido e lhes assegurei que não eram as únicas que haviam agido daquela maneira, dito aquelas palavras ou pensado a respeito daquilo que as feria por dentro.
Mulheres fizeram fila para falar comigo ao final. Algumas delas permaneceram na minha frente em silêncio. Outras lutavam para manter a compostura enquanto a mentira do Inimigo era exposta e derrotada. As conversas que tive e as mensagens que recebi estarão para sempre em minha memória. Nunca me canso de ouvir alguma mãe dizer: “Obrigada por ser honesta! Deus tem me mostrado que não sou a única a sofrer com estas questões e nem a única a ter feito o que fiz!”
Mentira 2 - Deus nunca mais poderá usá-la
Creio que geralmente procuramos obedecer a Deus, ou pelo menos desejamos. Creio que mulheres anseiam para que suas vidas tenham significado eterno, algo mais do que as medidas das roupas que usamos ou as descrições que estão em nosso currículo profissional. No entanto, quantas vezes nos julgamos por estes padrões superficiais? Pense nas vezes em que você parou em frente ao espelho e ficou horrorizada com a mulher que olhava para você. Talvez você tenha comprado a terrível mentira do Inimigo que diz que, por causa de suas falhas, Deus nunca poderá usá-la agora. Sou prova viva de que Deus pode e usa a todas nós, apesar de nosso passado e nossos erros. A realidade é que nem os piores pecados listados nas Escrituras podem permanecer entre nós e o amor de Cristo se confessarmos e buscarmos este perdão revolucionário.
A verdade de Deus dissipa o engano do Inimigo: verdade do amor de Deus e a natureza de seu carácter que nos resgata e redime. Agora podemos compreender sua promessa: “O Senhor o guiará constantemente, satisfará os seus desejos numa terra ressequida pelo sol e fortalecerá os seus ossos. Você será como um jardim bem regado, como uma fonte cujas águas nunca faltam. Seu povo reconstruirá as velhas ruínas e restaurará os alicerces antigos; você será chamado reparador de muros, restaurador de ruas e moradias” (Isaías 58.11-12).
Mentira 3 - Se alguém descobrir o que você fez, nunca a amará, nunca a compreenderá ou nunca a perdoará
A verdade é que algumas pessoas que você considera como amigos podem abandoná-la ao saber de certas verdades. Isso já aconteceu comigo, dos dois lados. Amigos já me abandonaram por saber a profundidade dos meus pecados. E já abandonei uma amiga logo após saber de alguns detalhes infelizes de sua vida. "Amigos vêm e vão, mas um amigo verdadeiro permanece com você, como se fosse parte de sua família" (Provérbios 17.17). Eu não fui fiel à minha amiga, mas Jesus sempre é fiel. Uma vez após a outra, ele promete que nunca nos abandonará. Portanto, respire fundo e descanse nesta verdade imutável: Jesus nunca desiste de nós: “Se somos infiéis, ele permanece fiel, pois não pode negar-se a si mesmo” (2 Timóteo 2.13).
Então é isso. Por que admitir que tenho falhas? Porque vivi tempo suficiente e experimentei falhas suficientes para saber que meus segredos e pecados não podem ser resolvidos através do meu próprio poder e do pensamento de que posso fazer tudo sozinha. Deus sabe o quanto tentei e o quanto fracassei. Ele sabe que meus pecados de proporções magníficas se aprofundam na essência de quem sou como mulher e como cristã. Ele sabe o quanto anseio pela experiência de uma redenção radical que me dá liberdade, não apenas naquele momento, mas para sempre. "Minha alma clama pelo socorro que vai a qualquer altura, qualquer profundidade, que me liberte de meus segredos e minha vergonha" (Romanos 8.39).
Talvez você sinta que a redenção está longe do seu alcance. Mas se você está cansada de fingir que consegue lidar com tudo sozinha, agora é hora de agir. Por muito tempo, as mulheres, particularmente as cristãs, acreditaram que eram as únicas a lidar com questões vergonhosas, arrependimentos agonizantes e mais do que um ou dois esqueletos pendurados em seus armários. Se ousarmos abrir os nossos corações para Deus e para outros, poderemos experimentar a paz e a liberdade. Leia o que algumas mulheres escreveram para mim:
Continua....

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Confissão: Um testemunho que você precisa ler ( parte 1)

Confissões de uma mulher cristã perfeita
Por que não fazer de hoje o dia em que você fará uma limpeza e colocar para fora aqueles segredos escondidos? Você poderá se surpreender que outras vivem as mesmas dificuldades e dilemas que você.
Geralmente sou uma pecadora fechada, faço as besteiras e as mantenho escondidas. Durante a maior parte da minha vida, consegui caminhar próxima à linha tênue da rebelião descarada. Quando eu tinha 12 anos, passava trotes para vários lugares e removi (leia-se: roubei) um livro da biblioteca pública, intitulado Tudo o que você sempre quis saber sobre sexo, mas tinha medo de perguntar.
A conselheira das mulheres na faculdade que cursei nunca soube que fui eu quem pregou uma peça em uma colega do curso. Quando tinha 22 anos, era professora de Ensino Fundamental, quase fui flagrada pela diretora entretendo meus colegas com imitações, inclusive da própria diretora. Alguns anos depois, minhas besteiras tornaram-se sérias, pois, depois de me tornar mãe de dois filhos, tive um acesso de raiva e agi de uma maneira que aterrorizou tanto a meus filhos quanto a mim. Não sou santa e nem pretendo ser. Mas, por mais difícil que seja crer nisto, de alguma maneira consegui deixar 99,9% destas coisas escondidas. Como alguém que frequenta a igreja e que aparentemente administra uma família feliz, evitei ter qualquer atenção voltada a este lado sombrio da minha vida. Mas isso teve um custo.
Minhas mentiras sobre o quanto eu gastava trouxeram problemas financeiros para o meu casamento. Pensamentos invejosos afastaram de mim os amigos e a alegria. A raiva adolescente que tentei manter dentro de mim, causando auto mutilação, explodiu 12 anos depois na direção dos meus filhos mais velhos. E quando o álcool veio na minha direção em períodos de solidão e depressão, eu ouvi seu chamado. Então, esta sou eu: Julie Barnhill em toda a sua glória e esplendor.
Talvez você esteja pensando: “Sim, você nos contou segredos de sua vida, mas nenhum deles se compara com os meus.” Poderíamos até criar um jogo para ver quem seria a campeã, muitos dos seus segredos poderiam ser os primeiros da lista. A questão é: precisamos abraçar a verdade de que não estamos sozinhos em nossos lugares secretos. Não importa o que se esconde debaixo de nossas camadas e mecanismos de defesa, Deus esta lá, dentro de nós.
Quanto mais eu vivo, mais me torno desesperada por um perdão revolucionário que leva ao fim as áreas ocultas e os elementos clandestinos da minha vida.
Mas existe uma questão: a confissão só pela confissão pode se tornar facilmente em um momento tablóide em nada diferente dos programas de televisão que entregam todos os detalhes da vida de alguém. Não é suficiente apenas dizer os fatos. A confissão genuína nos leva ao perdão radical, disponível apenas através de Cristo, que cobre qualquer coisa que tivermos feito, não importa o quão horrível ela possa parecer. Jesus Cristo conhece nossos segredos, e estes segredos nunca poderão parar o amor que ele tem por nós. No entanto, estes segredos criam uma barreira entre nós e a vida de liberdade, livre da vergonha, vida que ele deseja para nós. Contamos a Deus nossos segredos para encontrarmos redenção, para sermos resgatados e, por fim, para conseguirmos a vida eterna.
Compartilhamos nossos lugares secretos com amigos em quem confiamos para que possamos conhecer a realidade da cura divina através de relacionamentos de carne e osso, relacionamentos com aqueles que amamos na Terra. Infelizmente, temos como foco as questões e circunstâncias, pecados e falhas. Quando isso acontece, nos tornamos vulneráveis ao pai das mentiras. (Satanás)
Ele fará o que for necessário para nos levar a crer que Deus nunca perdoará nossos pecados. Ele fingirá que existem coisas que possamos executar que façam com que o amor de Deus por nós termine. Em algum momento da vida, já acreditei em pelo menos três destas mentiras:
Continua...........

terça-feira, 28 de abril de 2009

A mulher (Cristã) nos dias de hoje

Na sociedade de hoje, de ritmo frenético e confuso, os limites não são claros, os papéis estão invertidos e as prioridades deixam-nos perplexos.
Descrever sobre o verdadeiro valor da mulher, de acordo com o padrão da Palavra de Deus, é ajudá-la a focar o que é de precioso significado para a sua vida física, moral e espiritual. Na agitação do dia-a-dia, influência da mídia, o pensamento feminino é de que o TER é mais importante que o SER.
Apesar de séculos de opressão, a mulher vem conquistando grande espaço na sociedade. Consegue votar e ser eleita para cargos executivo e legislativo, tem melhores salários, carga horária de trabalho reduzida, contudo permanece confusa.
A mulher esquece-se que a Palavra de Deus continua atual, e oferece um padrão de excelência que nenhuma ideologia conseguiu superar. Confiável, digna, prudente, esforçada, amorosa, dedicada, a mulher que teme ao Senhor é mais valiosa que preciosos rubis. "Enganosa é a graça, e vã, a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada." (Pv. 31:30)
Portanto, não se preocupe em ter um corpo escultural, viver frustrada por não atender aos caprichos deste século. "O homem nascido de mulher, vive breve tempo cheio de inquietação. Nasce como a flor e murcha, foge como a sombra e não permanece." (. 14:1-2)
Chamo à sua atenção:
"A mulher que teme ao Senhor, esta será louvada". O temor do Senhor consiste em obediência de todo o coração à revelação de Deus em Sua Palavra.
Assim, se você ainda não teme ao Senhor, arrependa-se hoje dos seus pecados. Pois "todos pecaram e carecem da glória de Deus." (Rm.3:23) e entregue sua vida a Jesus. Ele disse "Eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai senão por mim." (Jo 14:6)
Desta forma, você, mulher, terá um valor imensurável:

- A mulher zela pela sua espiritualidade. (Sl 34.1-4; Sl 9.10; Sl.91.14)
- A mulher cuida do seu corpo. (1 Co 6.13b; 1Co 6.19-20)
- Sustenta seu lar com sabedoria. (Pv 14.1)
- Cuida bem do seu marido. (Pv 31.11-12)-
Ensina os seus filhos no caminho em que deve andar. (Pv 22.6; 2Tm 3.15)
- Constrói amigos que são também amigos de Jesus. (Rt 1.15-18; 2Rs 2.2)

Concluindo, os nossos valores estão nas verdades eternas encontradas na Palavra de Deus, as quais, guardamos nos nossos corações e procuramos vivê-las.
Que o Senhor Deus nos abençoe.

Por Fátima Pena

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Semana da Mulher

Graça e paz! Amados e Amadas do Senhor.
Essa semana irei fazer uma homenagem especial a todas as mulheres.
Postarei aqui textos específicos para as mulheres, mas que também servem muito bem para os homens.
Deixem seus comentários.


Vamos fazer essa obra crescer, para honra e glória de Jesus Cristo.
Internet também é lugar de evangelização.
Conto com a colaboração de todos vocês.
Se alguém tiver algum texto ou link legal, pode me mandar que eu posto aqui.
Vamos sair da inércia e começar a usar a Internet para ganhar almas.
É possível sim.
Quem convence é o Espírito Santo, e muitas são as pessoas que buscam na Net uma palavra de conforto.

Sejam muito bem vindos ao blog "Pra falar de Jesus" !
Que essas palavras possam tocar fundo ao coração de todos vocês.

Emmanuella Calazans
by Espírito Santo de Deus.

Levantai-vos, Mulheres

“Levantai-vos, mulheres, que estais em repouso, e ouvi a minha voz; e vós filhas que estais tão seguras, inclinai os ouvidos às minhas palavras.” Isaías 32.9


Deus nos criou e nos salvou com um propósito: servir. Na criação, a mulher já servia ao seu esposo com alegria, pois foi Deus quem fez e isto é muito bom. É um ato digno e louvável. Aleluia! Por quê então, estar de repouso? Você pode estar se perguntando:

Quando estamos de repouso?

Estamos de repouso quando não priorizamos Jesus, o Reino de Deus, as pessoas necessitadas. Nos tornamos tão ocupadas com nossos afazeres de casa, compras, modas, jóias, enfim, com prazeres e afazeres deste mundo, que não temos tempo de cuidar da nossa vida espiritual.Temos o caso de Marta e Maria citado em Lucas 10:38-40. Duas personagens distintas. As duas amavam Jesus e o serviam. Uma, preocupada com os afazeres da casa e a outra aos pés do Mestre, que escolheu a melhor parte. Ela estava ajuntando tesouros para os céus e Marta viu neste gesto algo inferior ao que ela fazia no momento. Geralmente uma pessoa como Marta, é ansiosa, muito preocupada e se atêm muito às coisas deste mundo e se tem vida espiritual, é muito pouco.
Numa situação desta, veja com quem você se identifica e se precisa de mudanças.
Estamos de repouso quando temos preocupação exagerada quanto à aparência exterior, esquecendo-se que em nós deve resplandecer a Luz, o caráter de Cristo.
Estamos de repouso quando não nos comovemos com os gemidos das almas perdidas.

Quando nos levantamos, então?

· Quando ouvimos a voz do Senhor e nos levantamos para serví-Lo.
· Quando clamamos pela salvação dos perdidos.
· Quando lembramos que temos um papel importante para desempenharmos na sociedade, como mulheres cristãs.
· Quando cooperamos com a obra missionária.
· Quando estamos atentas à voz dos oprimidos, doentes, das crianças abandonadas...

O que fazer então?

Mãos a obra. Você é uma guerreira, líder por excelência e grande é a seara e poucos são os ceifeiros. O Senhor conta com você!

Prª Maria de Lourdes Effgen Gonçalves -
Ministério Monte Sião

domingo, 26 de abril de 2009

Salvação?

1º - Humilhado e tremendo, percebe, reconhece e confessa que és um desgraçado pecador (não importam tua religiosidade, posição, boas obras, sinceridade, etc.):

Como está escrito:

Não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus. Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. (Romanos 3:10-12)

Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; (Romanos 3:23)

Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá? (Jeremias 17:9)

Por que seríeis ainda castigados, se mais vos rebelaríeis? Toda a cabeça está enferma e todo o coração fraco. Desde a planta do pé até a cabeça não há nele coisa sã, senão feridas, e inchaços, e chagas podres não espremidas, nem ligadas, nem amolecidas com óleo. (Isaías 1:5-6)

Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho; mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos. (Isaías 53:6)

Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniquidades como um vento nos arrebatam. (Isaías 64:6)

Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. (João 3:3)

Porque qualquer que guardar toda a lei, e tropeçar em um só ponto, tornou-se culpado de todos. (Tiago 2:10)

Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça. Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós. (1João 1:8-10)

2º - Tremendo, mas maravilhado, CRÊ EM CRISTO, tudo que a Bíblia ensina sobre ele, começando que ele é Deus encarnado, que deu sua vida e derramou seu sangue na cruz em TEU lugar (pagando por teus pecados, para que eles te sejam perdoados e jamais tenhas que pagar por eles), ressuscitou para ser TEU Salvador e Senhor, e voltará para reinar:
Rom 5:8; João 3:16, 18, 36; 5:24; 6:29; Atos 16:30-31

Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. (Romanos 5:8)


Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3:16)


Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. (João 3:18)


Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Deus sobre ele permanece. (João 3:36)

Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida. (João 5:24)

Jesus respondeu, e disse-lhes: A obra de Deus é esta: Que creiais naquele que ele enviou. (João 6:29)

E, tirando-os para fora, disse: Senhores, que é necessário que eu faça para me salvar? E eles disseram: Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa. (Atos 16:30-31)

3º - Tremendo, prostrado, mas confiado, clama a Cristo, que te salve:
Rom 10:9-10,13

A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. (Romanos 10:9-10)

Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. (Romanos 10:13)

4º- Tremendo, mas jubiloso, recebe, aceita Cristo como teu Senhor-e- Salvador, o que implica que desejas ardentemente mudar toda a tua vida, e a entregas para a Trindade a controlar total e irrrestritamente, para teu verdadeiro e eterno bem:

João 1:12; Apo 3:20; Mat 18:3; 2Cor 5:17

Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; (João 1:12)


Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. (Apocalipse 3:20)

E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus. (Mateus 18:3)

Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. (2Coríntios 5:17)

5º- Corajosamente, confessa publicamente que Cristo é agora teu Senhor-e-Salvador.
Rom 10:9-10; Mat 10:32,33

A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. (Romanos 10:9-10)

Portanto, qualquer que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus. (Mateus 10:32-33)

Confessar Cristo publicamente é uma das provas indispensáveis da verdadeira salvação. Diz a teu cônjuge e familiares, a teus amigos, a teus colegas de trabalho. Procura uma boa igreja e declara publicamente tua fé. Uma igreja que adore santamente a Cristo e pregue reverentemente a Bíblia. Uma igreja renovada, não imitadora dos estilos de música e das atrações do mundo. Uma igreja ardente de amor a Deus e aos irmãos. Uma igreja ardentemente envolvida em evangelizar os perdidos e em discipular. Nestes últimos dias, está cada vez mais difícil encontrar uma igreja assim, encontre uma, na tua cidade, não te importes se ela ficar longe de tua casa.

O que farei?

"O que eu farei com Jesus, o Senhor?" Pergunta solene pra quem não tem paz, Pois Deus quer saber; Ele quer decisão; Que resposta, então, tu agora darás?

"O que eu farei com Jesus, o Senhor?" Se jovem ou velho, já deves pensar, Pois cedo ou tarde a vez chegará, De tua condição, tão perdida, mostrar.

"O que eu farei com Jesus, o Senhor?" Que um dia em Belém quis Se manifestar, Mas qual um estranho, afrontas sofreu; Que resposta irás a Ele hoje dar?

"O que eu farei com Jesus, o Senhor?" Aceitas? Rejeitas? O que vais fazer? Qual é tua resposta a esta questão? O que tu decides agora dizer?

Eternas e graves, as implicações! Aceitas? Rejeitas? - Solene é pensar! Por que vais ficar nessa vida infeliz, Se agora em Jesus podes já confiar?

"O que eu farei com Jesus, o Senhor?" Oh, não percas tempo; tens que resolver! A Ele, confiante, eleva tua voz: "Jesus meu Senhor, hoje em Ti quero crer."

Ele Ama Você

Você anseia por amor, por um amigo que possa interessar-se por todos os seus problemas, e cujo amor nunca falhe?
Jesus é assim - Ele ama você!
Pense nisto, Jesus Cristo ama você.

Rejeitá-lo?

Então o que você vai fazer com este amor?
Rejeitá-lo?
Fazer pouco dele?
Desprezá-lo?
Zombar dele?
Você não gostou quando alguém fez o mesmo com o amor que você tentou demonstrar. Não seria melhor você ir agora a Ele que ama tanto você?
Ele morreu para salvar você de seus pecados e para ter você junto com Ele na glória.

A Coisa Mais Preciosa

O amor de Jesus é a coisa mais preciosa que você pode ter. Ele ama você. Ele Se aproxima de você agora em Sua misericórdia e chama você para estar com Ele - chama você para desfrutar de bênçãos eternas - chama você para receber o Seu amor.

Ele Pode Libertar Você

Você quer confiar nEle como seu Salvador, seu Senhor, seu Libertador do pecado? Acaso você não deseja ser liberto da escravidão do pecado? O pecado em seu coração é que faz com que você seja infeliz. Faz de você uma pessoa orgulhosa, cheia de ódio, invejosa. O pecado acabará destruindo você para sempre se não for salvo dele. Somente Jesus pode salvar você, "porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor". Romanos 6:23.

Converse com Ele

O que você fará com o amor de Jesus? Irá recebê-lo, ou irá recusá-lo? Lembre-se do que você sentiu quando alguém recusou a afeição que você tentou demonstrar. Quer ir a Ele agora e deixar que Ele salve você? Ele ama você e quer que você vá a Ele, confie nEle que Ele pode salvar você, tirar todos os seus pecados, dar a você um lar eterno com Ele e Seu povo. Tão somente converse com Ele bem aí onde você está. Tão somente vá a Ele do jeito que estiver agora. Conte a Ele suas tristezas, seus medos, seus problemas. "O Filho de Deus, que me amou e a Si mesmo Se entregou por mim." Gálatas 2:20.

Ele Não Rejeitará Você

Quando Jesus estava na Terra, Ele disse: "Vinde a Mim todos os que estais cansados e sobrecarregados, e Eu vos aliviarei... e o que vem a Mim, de modo nenhum o lançarei fora". Mateus 11:28; João 6:37.
Jesus, o Salvador ressuscitado, está hoje tão ansioso em receber pecadores com todos os seus pecados e suas necessidades quanto quando Ele esteve aqui entre os homens.
Se, como pecador, você for a Jesus e crer nEle como seu Salvador, você terá a Palavra de Deus de que seus pecados serão perdoados, e você irá estar com Ele quando vier buscar os que Lhe pertencem. "Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o Seu Filho unigênito, para que todo o que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna". João 3:16.

sábado, 25 de abril de 2009

Leia: Gálatas 2.11-21
Alguns pensam que tudo era comunhão, alegria e milagres na vida da Igreja Primitiva. Muitos ficam embevecidos ao ler que "da multidão dos que creram, era uma só mente e um só coração" (Atos 4.32). Mas nem tudo era perfeito. Pedro participava regularmente das refeições com os cristãos gentios num gesto de fraternidade, aceitando-os como iguais no Reino de Deus. Então, chegaram alguns cristãos judeus em Jerusalém, dizendo que os gentios crentes deveriam ser circuncidados em obediência à Lei de Moisés. Pedro, sentindo medo, afastou-se dos irmãos gentios. Até mesmo Barnabé, que também pregava o Evangelho, deixou-se levar pela hipocrisia.

Paulo ficou indignado com a atitude de seus companheiros. O tratamento dispensado pelos dois aos cristãos gentios ia de encontro à mensagem do evangelho. Nossa crença está baseada no fato de que Jesus morreu pelo nosso pecado e este é o único fundamento perante Deus. A circuncisão não poderia ser exigida, pois um homem não se torna justo pelas obras da lei, mas pela sua fé em Cristo.

Paulo confrontou Pedro a respeito disso. Não sabemos o que o apóstolo disse exatamente, mas com certeza usou as mesmas palavras com que alertava os Gálatas: "[Por] meio da Lei eu morri para a Lei, a fim de viver para Deus. Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive mim...".

Pense:Quando a verdade está em jogo, o silêncio não é uma virtude.

Ore:Pai Celestial, dá-me coragem para falar pela tua verdade quando esta estiver em jogo, mesmo correndo o risco de perder um amigo ou de ser zombado por outros. Em nome de Jesus, amém.

Dia-a-dia - Meditações para uma Vida com Deus - Lagoinha.com Data: 09/03/2009
http://www.avivamentoemlondres.com.br/index.frame.html

sexta-feira, 24 de abril de 2009

De joelhos ninguém tropeça

Era sábado, de manhã ainda bem cedo. Eu chegava para um evento de jovens numa igreja na periferia do Rio de Janeiro. Ao entrar, encontrei um pequeno grupo reunido em oração. Para minha surpresa, além das senhoras, havia jovens ali. Um deles, que liderava a reunião, convidou a todos para se ajoelhar e orar, e o fez com a seguinte afirmação: “Quem anda de joelhos não tropeça!”

Um grupo de anônimos, reunidos bem cedo em oração, numa igreja de periferia. Isso não se torna notícia, nem engrossa estatísticas do nosso controvertido crescimento evangélico. Gente assim também não é levada em conta na abundante literatura destinada a promover os vários métodos de crescimento de igreja. Afinal, são anônimos! No entanto, é por meio de milhões de anônimos que o Evangelho é proclamado e promove superação de todo tipo de barreiras, permitindo a formação de novas comunidades de fé.

Lucas narra, no livro de Atos, a ação de anônimos no processo de avanço da missão cristã. No relato do surgimento da igreja em Antioquia (Atos 11.19-30), ele descreve como “alguns de Chipre e de Cirene começaram a pregar”. Eles ainda não eram, sequer, chamados de cristãos – mas, motivados pela perseguição após a morte de Estêvão, saíram anunciando o Evangelho. Como resultado, nasceu uma igreja multiétnica. Nada de espetacular é mencionado; o relato apenas menciona alguns evangelistas anônimos, motivados por algo que havia surgido para destruir a fé, mas que terminou por promovê-la.

O fato de ter sido uma ação anônima não a fez menor, desprovida de valor. Lucas fez questão de registrar a obra destes anônimos e ainda relata a atitude de Barnabé ao visitar esta igreja, quando enviado pelos irmãos de Jerusalém. Barnabé não chegou sugerindo aos crentes de Antioquia que era portador do “Modelo de Jerusalém”, a solução para o crescimento da Igreja. O texto nos diz que Barnabé reconheceu que a mão de Deus estava com eles e os animou a prosseguir. Esta é a questão fundamental: antes de comparar Antioquia com Jerusalém (se é que ele o fez), Barnabé testemunhou os sinais da mão de Deus naquela comunidade.

O crescimento numérico da Igreja Evangélica brasileira é um fato. Neste contexto, têm surgido muitos modelos com uma variedade de respostas ao que se supõe serem as perguntas vitais. No entanto, o problema está no fato de que, para muitos, a primeira pergunta tem sido negligenciada: “Quais são os sinais da presença de Deus nesta comunidade?”. Contudo, o ponto de partida tem sido a comparação, e não o reconhecimento da ação de Deus, em cada comunidade local. Os testemunhos de crescimento são inspirativos e devem despertar alegria em nosso coração; mas, quando relatos se transformam em modelos a serem seguidos, o risco se torna iminente.

Fico pensando naquele pastor que, diariamente acompanha os membros de sua comunidade, visita lares e hospitais e, semana após semana, abre a Palavra de Deus e a expõe com a convicção de que o Senhor fala ao povo. Durante anos, ele aprendeu a reconhecer a mão de Deus sobre a igreja que conduz. Imagine como se sente este obreiro ao ser induzido a, de uma hora para outra, transformar o testemunho de determinadas igrejas em modelo para sua comunidade. Agora, não se trata de reconhecer a mão de Deus, mas sim, de comparar dinâmicas organizativas e funcionais.

Não sou contra os livros, encontros e ministérios que promovem determinadas experiências de crescimento, até o momento em que transformam relatos em modelos. A questão fundamental não é a comparação de uma igreja a outra, mas sim o reconhecimento da ação divina em cada comunidade que se reúne em nome do Senhor. Se este crescimento evangélico é real, para além da dimensão numérica, então o responsável por ele é o próprio Deus. Neste caso, vale a pena seguir a orientação daquele crente anônimo: “De joelhos, irmãos; assim, ninguém tropeça.”

Fonte: Cristianismo HojeData: 23/09/2008
http://www.avivamentoemlondres.com.br/index.frame.html

quarta-feira, 22 de abril de 2009

No que nós acreditamos?

1) Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc12.29).
2) Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão (2 Tm 3.14-17).
3) Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is 7.14; Rm 8.34 e At 1.9).
4) Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurá-lo a Deus (Rm 3.23 e At 3.19).
5) Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo 3.3-8).
6) No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor (At 10.43; Rm 10.13; 3.24-26 e Hb 7.25; 5.9).
7) No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt 28.19; Rm 6.1-6 e Cl 2.12).
8) Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9.14 e 1Pd 1.15).
9) No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a sua vontade (At 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7).
10) Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade (1 Co 12.1-12).
11) Na Segunda Vinda premilenial de Cristo, em duas fases distintas. Primeira - invisível ao mundo, para arrebatar a suaIgreja fiel da terra, antes da Grande Tribulação; segunda - visível e corporal, com sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos (1Ts 4.16. 17; 1Co 15.51-54; Ap 20.4; Zc 14.5 e Jd 14).
12) Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra (2Co 5.10).
13) No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Ap 20.11-15).
14) E na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis (Mt 25.46).


Fonte: http://www.avivamentoemlondres.com.br/index.frame.html
Assembleia de Deus – Catedral do Avivamento

terça-feira, 21 de abril de 2009

Cinco maneiras de Deus responder orações

Qualquer que seja a resposta, ela vem sempre visando o melhor para você.

Por: Luis Palau
Ao longo dos anos descobri nas Escrituras, e pela experiência, que Deus ama responder as orações. Aqui estão cinco de suas respostas mais freqüentes:

“Não, eu te amo demais”

O Deus do universo não é obrigado a dizer ‘sim’ para todas as orações. Isto é ótimo, levando em consideração algumas coisas que pedimos. Às vezes Deus diz ‘não’ para os pedidos mais profundos em nosso coração. Você já descobriu esta verdade em sua vida? Eu já descobri. Quando minha amiga Diane começou a perder sua audição. Quando minha sogra ficou enferma. Quando meu sobrinho contraiu AIDS.

Eu seria conhecido como Luis Palau Júnior, se não fosse o fato de Deus ter dito ‘não’ para uma das minhas mais recorrentes orações. Após meu décimo aniversário, meu pai, Luis Palau teve uma broncopneumonia e morreu dez dias depois. A morte se tornou para mim a mais inegável realidade. Tudo pode ser discutido e pensado, mas a morte está aí, encarando a todos nós, face a face. Ela acontece, até para as pessoas mais abençoadas. Não importa o quanto oramos. Por quê? Porque ainda vivemos em um mundo caído.

Lembro-me disso repetidamente desde 11 de setembro de 2001, dia dos ataques terroristas nos EUA. Milhares de vidas foram salvas naquele dia. Mas Deus disse ‘não’ para as orações de milhares de outras vidas. Algum bem virá da morte destes? Eu creio que sim.
Sem dúvida, a morte de meu pai teve mais impacto no meu ministério do que qualquer outra coisa em minha vida inteira, além da minha conversão a Jesus Cristo. Meu desejo é que as pessoas se acertem com Deus, compreendam a grande questão e que, como o meu pai, morram cientes de que estarão com Jesus, de “estar com Cristo, pois é muito melhor” (Filipenses 1.23).
Isto significa que não devemos orar? Não. Significa o oposto. Ao longo dos anos, viajando pelo mundo, descobri outras quatro formas de Deus responder as orações. Acredite: ele gosta de dizer “sim!”


“Sim, mas você precisará esperar”

Respostas imediatas às orações? É isto que você quer, é isto que eu quero. Mas Deus não trabalha sempre desta maneira. E para que o melhor ocorra, precisamos ser pacientes. Em alguns casos, precisamos esperar até que o relógio sinalize meia-noite, para que sua resposta chegue.

Phil Callaway não sabia o que responder ao ser questionado por seus filhos “se a mamãe iria morrer”. Sua esposa Ramona sofria com grave enfermidade.

Centenas de amigos e parentes oraram, mas o peso de Ramona eventualmente chegara a 40 kg. Médicos especialistas tentaram de tudo, mas no outono de 1996 ela tinha crises diariamente, muitas vezes a cada hora.

Phil quase nunca deixou de ficar ao lado de Ramona. Ele não sabia se ela chegaria a completar 30 anos. Certa tarde, quando já não era possível enxergar qualquer vestígio de esperança, Phil caminhou até o quintal, ajoelhou-se e clamou: “Deus! Não agüento mais. Por favor, faça algo!”. De repente, o nome de um médico lhe veio à mente. Phil ligou para este médico, que examinou Ramona na manhã seguinte e deu o diagnóstico de uma rara deficiência química. Dentro de uma semana, as crises de Ramona terminaram. Seus olhos brilhavam novamente. O milagre foi tão incrível que Phil afirmou: “Deus devolveu minha esposa!”.

“Peçam e lhes será dado; busquem e encontrarão; batam e a porta lhes será aberta” (Mateus 7.7).


”Sim, mas não exatamente o que você espera”

Você já pediu a Deus que o usasse? Se já o fez, espere o inesperado.

O jogador Sherman Smith, da Liga Nacional de Futebol, é conhecido como o “Tanque Sherman”; tem 1,90m e pesa 102 kg de músculos sólidos em sua maioria. Sua reputação na defesa aumentou seu status de celebridade, enquanto jogava para o Seattle Seahawks. No entanto, sem qualquer aviso, o Seahawks vendeu o passe de seu jogador mais popular para o San Diego Chargers. Da noite para o dia tudo mudou para o jogador, cuja fé era tão sólida quanto seus músculos. Em poucas semanas jogando no Chargers ele machucou seriamente seu joelho. “Por que em tempos de reabilitação Deus me trouxe para San Diego?”, ele perguntava.

Enquanto seu joelho se recuperava, Sherman teve a oportunidade de levar um de seus colegas de time à Cristo. Este jogador que se converteu, Miles McPherson, desde então tem se destacado como um evangelista que tem levado milhares de jovens a Cristo todos os anos.
Porque Sherman foi enviado a San Diego? Deus queria usá-lo, com certeza.“Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apóie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos e ele endireitará as suas veredas” (Provérbios 3.5-6).

“Sim, e tem mais!”

Você já se perguntou se Deus realmente sabe o que você quer e o que você precisa?

O australiano David Smallbone sentiu que Deus o dirigia a promover shows cristãos em sua cidade natal onde apenas 5% da população era cristã. Durante um tour, eram tão poucos os fãs que iam aos shows que David teve um prejuízo de 250.000 dólares! Até sua casa lhe foi tirada e este pai de seis filhos teve que buscar uma solução. Um artista famoso lhe ofereceu um emprego em Nashville (EUA) e a família vendeu todos os pertences que ainda lhe restavam para comprar as passagens para os Estados Unidos. No entanto, algumas semanas depois que chegou, David foi informado de que o emprego não estava mais disponível. Ele ficou prostrado na cama por dias e dias. Quando David e sua esposa explicaram aos filhos o que havia acontecido, todos se ajoelharam e pediram ajuda a Deus.

Coisas interessantes começaram a acontecer. Deus providenciava sacolas de alimentos, providenciou uma van e pequenos serviços dos mais diversos. Então a maior surpresa de todas aconteceu: a filha mais velha Rebecca, então com 15 anos, conseguiu um contrato com uma gravadora. Rebecca gravou seu primeiro CD usando um antigo sobrenome de família, St.James.

Acelere o filme para os dias atuais. David promove os shows de sua própria filha, shows que têm sempre ingressos esgotados. Rebecca St.James tornou-se uma das artistas cristãs mais conhecidas na atualidade. A revista Cristianismo Hoje colocou seu nome entre os “50 maiores e mais promissores líderes cristãos com menos de 40 anos”. Temos prazer em convidá-la para cantar em nossas conferências cristãs ao redor do mundo.

Nada surpreende a Deus, Ele sabia o que estava fazendo!

“'Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês’, diz o Senhor, ‘planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de lhes dar uma esperança e um futuro’” (Jeremias 29.11).


“Sim, pensei que você nunca pediria”

Muitas pessoas pensam que a oração é algo complicado. Na realidade, a oração mais simples pode lhe trazer o milagre que você precisa, quando você precisa.Após uma séria queda, um senhor chamado Luke Mulder orou para receber Jesus Cristo. Então orou por sua esposa Clara, que estava visitando sua irmã na Califórnia. Naquele mesmo dia, Clara ouviu alguém compartilhar o evangelho e aceitou a Cristo.

O cartunista cristão Ron Wheeler sonhava em criar personagens para evangelizar, mas precisava de um novo computador. Encontrou o tipo que precisava e começou a orar. Duas semanas depois um amigo ligou para Ron e lhe ofereceu um computador do mesmo modelo que havia pedido em sua oração. Pouco tempo depois de instalar o computador, Ron recebeu uma ligação da Sociedade Americana de sua categoria, solicitando que ele desenhasse uma série completa de personagens evangelísticos para tirinhas de diversos meios de comunicação.

Meus amigos Esteban e Carmela Tosoni dirigiam por uma estrada em uma das montanhas mais altas do mundo, quando seu carro quebrou. Estavam a 30 km da cidade mais próxima. A família Tosoni orou por ajuda divina. Quando abriram os olhos, um mecânico simplesmente apareceu e perguntou se precisavam de ajuda, consertou o carro e então partiram.Coincidências? Dificilmente.

“A oração de um justo é poderosa e eficaz” (Tiago 5.16).

Luis Palau, 73 anos, é argentino e radicado nos EUA. É um conhecido evangelista internacional, tendo realizado cruzadas em mais de 80 países, atingindo a mais de 22 milhões de pessoas. Palau é autor de 41 livros, alguns deles já publicados no Brasil.Fonte: Cristianismo HojeData: 18/09/2008

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Quarta-feira, 15 de Abril, 2009

VERSÍCULO:
“Mas de agora em diante o Filho do homem estará assentado à
direita do Deus todo-poderoso”.
-- Lucas 22:69

PENSAMENTO:
No Evangelho de Lucas, “O Filho do homem” é uma designação
predileta de Jesus para ele mesmo. Ao se referir a si mesmo sentado
à direita de Deus, Jesus invoca a imagem de julgamento de Salmo
110:1. Ele que está sendo julgado um dia julgará todos, inclusive
esses homens. Embora Jesus se incrimine com esta declaração, ele
tem que dizer a verdade. É necessário advertir esses homens da
gravidade daquilo que estão fazendo. Ao perguntarem se Jesus estava
dizendo que ele era o Filho de Deus (v. 70), esses “sábios”
mostraram que entenderam muito bem tudo que Jesus estava dizendo.
Nós temos que falar da graça e do perdão de Deus. Mas, temos que
também advertir, como Jesus fez aqui, que haverá um julgamento e
conseqüências eternas para quem O rejeitar e recusar o perdão que
somente ele pode oferecer. Quando você tiver a oportunidade para
falar de Jesus não deixe de falar como Jesus falou.

ORAÇÃO:
Santo e Poderoso Deus, o Senhor é digno de todo louvor e
obediência. Perdoe-nos pelo tempo que levamos para aceitar Jesus
como Senhor das nossas vidas. E tenha misericórdia de tantos outros
ao nosso redor que ainda demoram. Que possamos anunciar as Boas
Novas a eles enquanto ainda houver tempo. Em nome de Jesus oramos.
Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/2/0415.html



JESUS DÍSSE de Hermeneutica.com - "365 dias nas palavras de Jesus"
===============================================================
http://www.hermeneutica.com/jd

"Jesus disse" é um devocional diário, com uma passagem das
palavras de Jesus, uma meditação e uma oração para ajudar a focalizar
as nossas mentes em Jesus a cada dia. O autor é Dennis Downing
e vem do site www.hermeneutica.com.
Copyright © 2006 Dennis Downing. Todos os direitos reservados.
Visite o site para conhecer cada vez melhor a Palavra de Deus.

COMO É QUE EU ASSINO?
É GRATIS! Para assinar, envie um correio eletrônico para:
jesusdisse-sub@maillists.heartlight.org

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Hermeneutica

Segunda-feira, 6 de Abril, 2009

VERSÍCULO:
Como de costume, Jesus foi para o monte das Oliveiras, e os seus
discípulos o seguiram. Chegando ao lugar, ele lhes disse: “Orem
para que vocês não caiam em tentação”.
-- Lucas 22:39-40

PENSAMENTO:
Um provérbio dinamarquês diz “Ninguém pode ser pego num lugar
que ele não visita.” A oração, focalizando nossas mentes em Deus,
nos guia pelas veredas da vontade dEle. Concentrando em Deus e na
vontade dEle por meio da oração, corremos muito menos risco de cair
em pecado. Nós não estaremos lá onde Satanás quer nos pegar. O
sentido de “cair em tentação” é de sucumbir à força dela, de ceder
à tentação e pecar. A exortação de orar, repetida em v. 46, lembra
que Jesus ensinou os discípulos a pedirem ao Pai (em oração) para
não os deixar cair em tentação (11:4). Quantas instruções o Senhor
nos dá que, na hora, não parecem tão importantes, mas, que
descobrimos depois serem cruciais à nossa sobrevivência. Em
momentos de perigo a melhor posição do guerreiro de Deus é de
joelhos dobrados. É isso que Jesus fará em seguida. Que Deus nos
ajude a lembrar o exemplo do nosso Mestre.

ORAÇÃO:
Pai Santo, não há exemplo melhor do que Jesus na guerra
espiritual que é travada a cada dia ao nosso redor. Obrigado por
Jesus, pelo exemplo e pelas palavras dEle. Obrigado pela oração que
nos une a Ele e ao Senhor e nos leva adiante na batalha da fé. Em
nome do Santo Guerreiro oramos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/2/0406.html



JESUS DÍSSE de Hermeneutica.com - "365 dias nas palavras de Jesus"
===============================================================
http://www.hermeneutica.com/jd

"Jesus disse" é um devocional diário, com uma passagem das
palavras de Jesus, uma meditação e uma oração para ajudar a focalizar
as nossas mentes em Jesus a cada dia. O autor é Dennis Downing
e vem do site www.hermeneutica.com.
Copyright © 2006 Dennis Downing. Todos os direitos reservados.
Visite o site para conhecer cada vez melhor a Palavra de Deus.

COMO É QUE EU ASSINO?
É GRATIS! Para assinar, envie um correio eletrônico para:
jesusdisse-sub@maillists.heartlight.org